Paraná

26/10/2009

GESTÃO PÚBLICA - Alagoas quer sistema de publicação online de diários oficiais desenvolvidos pela Celepar

O sistema online de publicação e consulta pública dos diários oficiais dos poderes Executivo, Judiciário, Indústria, Comércio e Serviços do Paraná, desenvolvido pela Companhia de Informática do Paraná (Celepar) em software livre, desperta cada vez mais interesse de outros estados. Implantado de forma pioneira no Paraná, no âmbito governamental ele é administrado pela Casa Civil e pelo Departamento de Imprensa Oficial do Estado (DIOE).
Os diretores do Instituto de Tecnologia em Informática e Informação do Estado de Alagoas (ITEC) Luiz Eugênio de Castro Barroca (presidente) e Thiago José Tavares Ávila (Tecnologia da Informação) visitaram recentemente a Celepar para conhecer as funcionalidades do sistema e as possibilidades de uma parceria para a implantação do aplicativo naquele estado nordestino.
O sistema gerencia a publicação, a assinatura digital e a consulta pública dos diários oficiais. A assinatura digital nos conteúdos publicados garante a integridade e a autenticidade das informações disponíveis no formato PDF. No sistema é possível consultar as edições das publicações oficiais do DOI Paraná desde agosto de 2002. As consultas sobre contratos, nomeações e outros atos oficiais podem ser feitas por edição, por texto, por período ou pela combinação dessas duas opções. O DIOE online é todo em software livre. O sistema operacional é o Linux Debian 4.0.5, os servidores Apache 2.2.3 e Jboss 4.0.5, o banco de dados é o Postgre e a linguagem de programação é Java 5.
Em 2008 o desenvolvimento desse sistema rendeu à Celepar e ao Governo do Paraná o Troféu A Rede, premiação nacional concedida pela revista do mesmo nome, uma das principais publicações nacionais voltadas para o setor de tecnologia da informação e comunicação
Segundo o presidente do ITEC, a solução paranaense é bastante avançada e será fundamental para as publicações oficiais de Alagoas. “O sistema é completo e possui a vantagem de ser inteiramente online, o que além de tudo significará uma importante economia dos recursos públicos já que não será mais necessário sua publicação impressa”, destacou Castro Barroca.
FONTE: Agência Estadual de Notícias: www.agenciadenoticias.pr.gov.br
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.